segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Projeto de lei autoriza criação da Universidade Federal da Chapada Diamantina

Um projeto de lei (4094/12) em tramitação na Câmara dos Deputados autoriza o Poder Executivo a criar a Universidade Federal da Chapada Diamantina (UFCD) no estado da Bahia. 

De autoria do parlamentar baiano Afonso Florence (PT-BA), a proposta indica que a universidade funcionará nas cidades de Seabra, Lençóis, Ipirá, Rio de Contas e Morro do Chapéu. Segundo a Agência Câmara de Notícias, o autor aponta que estes municípios necessitam de melhor oferta de vagas de ensino superior, assim como de pesquisa e extensão. 

De acordo com o petista, não há campus universitário nesta “importante região do estado, caracterizada por suas tradições culturais, importância econômica e densidade populacional”. “Esta região tem sido marcada também pelo intenso e prolongado processo migratório intensificado, entre outros motivos, pela busca dos seus filhos por uma oportunidade para cursar uma instituição de ensino superior pública e de qualidade”, argumenta. 

Segundo o texto, a implantação da UFCD utilizará recursos provenientes de dotação consignada no Orçamento da União; de auxílios e subvenções que lhe venham a ser concedidos por quaisquer entidades públicas ou particulares; de remuneração por serviços prestados a entidades públicas ou particulares; e de convênios, acordos e contratos celebrados com entidades ou organismos nacionais ou Internacionais. 

De caráter conclusivo, o projeto será analisado pelas comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; de Educação e Cultura; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Um comentário:

MIGUEL DA SILVA TRINDADE disse...

Acredito eu, como filho de Rio de Contas, que será de suma importância um "campus" universitário em nossa cidade, tendo em vista o potencial turístico, histórico e educacional do povo riocontense. A cidade berço de Abílio César Borges, se sentirá mui grata e orgulhosa, caso isso venhoa a se concretizar. São minhas poucas e sinceras palavras.