quinta-feira, 31 de julho de 2014

quarta-feira, 30 de julho de 2014

Festival de Música de Igatu terá Mariene de Castro, Vander Lee e Xangai

As atrações estão definidas para os dois últimos dias do evento, fica faltando divulgar os shows do primeiro dia do festival | FOTO: Montagem do JC |

O Festival de Música de Igatu, distrito do município de Andaraí, na Chapada Diamantina, já tem data e atrações definidas para este ano. De acordo com informações enviadas ao Jornal da Chapada, o evento acontece entre os dias 28 e 30 de agosto e a população chapadeira terá shows de artistas como Mariene de Castro, Vander Lee, Alex Cohen e Xangai.

A grade de programação não está completamente definida, mas os shows do segundo dia do evento, na sexta-feira (29), estão confirmados, assim como no sábado (30). Tocam no segundo dia Viola de Arame, Mariene de Castro e Peu Del Rey. No terceiro dia é a vez de Xangai, Vander Lee e Alex Cohen. Fica faltando a grade de atrações do primeiro dia do festival, que deve ser definida ainda na primeira quinzena de agosto.

Com informações do Jornal da Chapada

segunda-feira, 28 de julho de 2014

I FLICH


Rio de Contas, igreja e educação

Por Sérgio Rodrigues Barreto*

A cidade de Rio de Contas é riquíssima de história. É a segunda vila da Bahia, tem um dos sítios históricos mais bem preservados do Brasil, já teve ouro como moeda corrente e uma das poucas e melhores escolas da Província da Bahia. Mas, como se vê e se sabe, a história se transforma a cada instante. Veja, por exemplo, a educação. 


O Brasil foi nascendo aos poucos e, desde o princípio, por mais que a Coroa Portuguesa tenha feito os “gentios” engolirem a seco a educação, esta sempre esteve presente. A princípio, somente o que interessava aos portugueses era o quanto eles lucrariam com as riquezas daquela “Índia”. Vista a necessidade de negociação com os estranhos, os interessados precisavam fazer-se bem-vindos. A mão de obra dos indígenas era indispensável tal como a inópia de se comunicar com eles. Sendo assim, os índios precisavam ser “educados” com a língua portuguesa, e aí entram os jesuítas. A igreja católica, mais predominante no mundo do que hoje, foi a grande educadora da América Portuguesa, difundindo o português e Deus pela colônia. Esta brevíssima introdução foi pra mostrar que a união entre Igreja e Estado sempre foi interessante para ambos os lados, em qualquer situação. 


Quanto menor a cidade, maior a influência das igrejas, templos, e quaisquer outros meios de controle de massa por meio da palavra de um deus. Quanto menor a cidade, mais persuadida e conformada ela é – e isso continua sendo bom para ambos os lados. Rio de Contas é esta cidade: pequena, controlada e cedida para Estado e Igreja, sem contestação. Esta acomodação acarreta problemas sociais de desenvolvimento como para a educação. A Igreja católica, por mais que esteja perdendo espaço – para outras religiões mais radicais! –, continua imponente e prepotente, ostentando terras e mais terras, ganhando, obviamente, muito dinheiro com elas. 

Para quem não sabe, existe um projeto já em bom andamento de uma Universidade Federal com campus em Rio de Contas. Este projeto pode trazer cursos superiores para dentro da cidade e, com certeza, reduzir a evasão da população – esta que não cresce desde 2000, segundo o IBGE. Como sabemos, o antigo CIRCEA (Centro Integrado Riocontense de Educação e Assistência) está parado desde o segundo semestre de 2007 e daria uma boa Universidade. Daria, se não fosse pelo exorbitante aluguel que a Igreja pede. Será que a Igreja católica, aquela que veio à América Portuguesa difundir a educação, que tanto dinheiro arrancou dos povos que dominou por onde passava – e passa –, será que esta Igreja puramente capitalista está pensando na educação do povo? Será que seria interessante pra ambos os lados que o povo leia outros livros além da Bíblia Sagrada? Será que, para a Igreja, devemos pensar nesse tipo de coisa? QUESTIONEM-SE!

*Sergio Rodrigues Barreto é estudante do Curso de História na Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia - UESB. Foi morador de Rio de Contas por 9 anos.

domingo, 27 de julho de 2014

Chapada Diamantina sedia festa literária

A festa terá show de Danilo Caymmi no dia 6 de setembro

A primeira Festa Literária Internacional da Chapada Diamantina (Flich) está marcada para acontecer de 3 a 7 de setembro nas cidades de Lençóis e Seabra. O evento prestará homenagens ao escritor e cineasta Orlando Senna e ao cantor e compositor Dorival Caymmi, que se estivesse vivo completaria 100 anos em 2014. O evento contará com mesas redondas, minicursos, oficinas, saraus, cafés literários, cine-debate e shows. Uma destas apresentações será do cantor Danilo Caymmi, no dia 6 de setembro.

Com informações do Jornal A Tarde

Inscrições para a 16ª Corrida Ecológica Brumado/Rio de Contas estão abertas


As inscrições para a 16ª Corrida Ecológica Brumado/Rio de Contas estão abertas. Os interessados devem acessar o site www.corridaecologica.com.br e preencher o formulário de inscrição. A etapa é válida pelo ranking brasileiro de ciclismo e o trajeto é diferenciado, repleto de belezas naturais. Muitos competidores de outros estados vão participar da competição. A corrida ecológica é uma realização do Shoppping Bike. Se inscreva e participe desse grande evento!

Com informações do Brumado Notícias