quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

Guia 4 Rodas elege a estrada de Rio de Contas a Livramento como a 5ª melhor da Bahia

O importante Guia 4 Rodas classificou a rodovia BA 148, que liga a cidade de Rio de Contas a Livramento de Nossa Senhora como a 5ª melhor da Bahia. O fato é que esse título não se deve pelo seu estado de conservação, mas sim pela inusitada cor verde, uma vez que a mesma já apresenta inúmeras falhas, falta de sinalização de alguns pontos, a rocagem do mato e a falta da maioria dos chamados "olho de gato" arrancados pela força dos carros e que conferia uma beleza singular a quem trafegava por ali a noite. Mas confira na íntegra o cometário.

"Repórteres e editores do Guia Quatro Rodas passam a metade do ano ralando nas estradas, percorrendo 250 mil km pelo Brasil. Deixam de ir a casamentos, nascimentos, formaturas e aniversários da vovó. Tudo isso para retratar da melhor forma o turismo brasileiro. Nesse espaço, contarão as novidades e boas histórias trazidas na bagagem.

As melhores estradas da Bahia

O estado tem a segunda maior malha rodoviária do país, no entanto para a equipe do Guia Quatro Rodas foi um parto escolher as melhores estradas.

As campeãs de asfalto
1ª) BA-001 – Canavieiras-Ilhéus-Itacaré – Ao sul, de Ilhéus a Canavieiras, a estrada foi toda restaurada e apresenta sinalização eficiente. Ao norte, de Ilhéus a Itacaré, chamada de Estrada-Parque, foi a primeira estrada ecológica planejada do país, com canaletas sob a pista para garantir o trânsito dos animais.

2ª) BA-099 (Estrada do Coco) – Salvador-Praia do Forte – A lenta duplicação chegou no trecho final da bem-sinalizada estrada, que começa ao lado do aeroporto e passa dentro de várias área urbanas.

3ª) BA-099 (Linha Verde) – Praia do Forte-divisa BA/SE – Continuação da Estrada do Coco, a única rodovia administrada por concessionária passa um pouco longe da praia, mas dentro de um mar de coqueiros. No pedágio, cobrado nos dois sentidos, automóveis pagam R$ 4,60 durante a semana e R$ 6,90 nos fins de semana e feriados.

4ª) BR-324 – Salvador-Feira de Santana – Liga as duas maiores cidades do estado e pela sua importância merece melhor manutenção, mas tem a vantagem de ser uma das duas rodovias duplicadas do estado.

5ª) BA-148 (Estrada Verde) – Livramento de Nossa Senhora-Rio de Contas – São apenas 13 km construídos com pavimento verde para se integrar à mata da Chapada Diamantina.


2 comentários:

denisson disse...

UMA CORRIGENDA:
O ecossistema que circunda a BA-148 (Estrada Verde) – Livramento de Nossa Senhora-Rio de Contas não é, em nenhum dos seus trechos, de mata; conforme está informado no blog.
Aquela é uma zona de transição de caatinga para cerrado.As espécies vegetais se encontram e formam essa 'peculiaridade'.
As tais matas que muitos insistem em atribuir como ecossistema predominante da Chapada, são na verdade, 'manchas' de mata, capões, matas localizadas, chamadas tecnicamente de matas de galeria e não constituem regra, e sim exceção à regra , que é de campos rupestres, cerrado e caatinga.
Se a falha foi do GUIA 4 RODAS, passa isso pra eles.Ou então esperemos eles rodarem mais um pouco e aprenderem sobre o que vão falar.
Salve.

Altemar disse...

Realmente o Guia comete vários erros. Comprei a edição 2009. Em Rio de Contas eles diminuiram a quantidade de hotéis disponíveis para hospedagem. Informam no mapa que há uma rodovia ligando Rio de Contas a Abaíra sem passar por Jussiape.