terça-feira, 28 de abril de 2009

DIÁLOGOS: Rio de Contas e a cobrança do IPTU 2009






A prefeitura já fez a distribuição dos carnês de IPTU's referente ao exercício de 2009 e continua a adotar a estranha prática de receber os valores no prédio da prefeitura. Não se trata de colocar em dúvida a idoneidade de ninguém, mas questionar o fato dela ser guardiã de valores. Ora, para tal fim existem os bancos.

Desconheço em alguma outra cidade fato semelhante. Em todo lugar os tributos dessa natureza são recolhidos na rede bancária o que confere segurança tanto aos funcionários da instituição como do próprio dinheiro que é nosso, e como tal, deve ser guardado em ambiente seguro.

Merece reflexão também o fator contábil, uma vez que esses valores seriam obrigados a transitar pelas contas da prefeitura.

Esse diálogo merece reflexão!


*Diálogo construído a partir de sugestões e conversas com alguns leitores. Sobre o que estamos precisando dialogar? mande sua sugestão:
noticiasderiodecontas@gmail.com

3 comentários:

Anônimo disse...

Merece reflexão, ainda, o recebimento de outras taxas, tais como, ITBI e DAMs diversos sem trasintar por conta bancária.

Anônimo disse...

Também ja constatei isso. e ninguem fala nada e a camara?latic

Orlando disse...

infelismente o povo de rio de contas ainda esta durmindo no acomodismo com medo de espressar seus direito e serem peseguidos nao sei ate quando issso vai ficar assim.